Vasco

Vasco

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

TRAGÉDIA -VASCO 1 X 4 CORINTHIANS

Irritante! Foi o futebol levado pelo Vasco ao gramado, na noite de  hoje, em Orlando, nos Estados Unidos. Excessos de passes errados, entregadas de bola ao adversário e até passe para a linha lateral, com o companheiro já tendo passado da linha da bola. E o pior: o velho problema das falhas de marcação na defesa.
Os gol que os vascaínos levaram foram do mesmo tipo que levavam já seis anos, quando Cristóvão Borges era o treinador.  1 x 2. Camacho abriu o placar, aos 19 minutos, tabelando com Rodriguinho, que fez-lhe o passe, de calcanhar, para ele passar pelo meio da zaga, sem combate.  Éder Luís empatou, aos 24, com um belo gol, de fora da área, colocando a bola no ângulo esquerdo da trave do goleiro Cássio, que estava adiantado. Aos 45 minutos, Marlone fez 2 x 1, também tabelando, passando pelo meio da zaga e recebendo na frente e na cara do gol. Este foi o placar do primeiro tempo.
Na etapa final, o Corinthians jogou com o time reserva e marcou mais dois gols, aos 34 e aos 41 minutos, por falhas de marcação vascaínas. No terceiro, a defesa entregou bola dominada e um cruzmaneto, da esquerda, de dentro da área, encontrou a cabeça de Cazim desmarcada. No quarto, Cazim atcou pela esquerda, não havia nenhum zagueiro vascaíno dentro da área e ele rolou a boal par Marquinho Gabriel só balançar a rede: 4 x 1.
Se jogar o que jogou hoje, seguramente, o Vasco será candidato a quarto colocado no Estadual-RJ. No sábado, disputará o terceiro lugar da Florida Cup, contra São Paulo ou o argentino River Plate. Com o vexame de hoje, o Vasco segue sem vencer ao Corinthians há 11 temporadas, ou em 12 jogos, com sete vitórias corintianas e cinco empates.

PAIXÃO DO DIA DA COLINA - 6

Por e-mail ao www.paixaovascao, o Kike indagou o nome do artista que produz estes belos "cartoons", pois quer revela-lo aos agora (08h35)  330 mil, 469  "kikenautas" e, também, fazer uma entrevista com ele. Aguarda resposta.
 Enquanto isso, admire mais um belíssimo trabalho dele, uma guerreira cruzmaltina, exibindo o glorioso brasão da Colina. Criando-se um ambiente fictício nos tempos das Cruzadas, ela poderia ter sido uma Templária, ordem que usava a Cruz de Cristo.

Kike sent an e-mail to www.paixaovascao, in order to know the name of the artist who produces these beautiful "cartoons", because he wants to reveal it to the "kikenautas", which are already more than 300 thousand. And, also, make an interview with him. Waiting for the answer. Meanwhile, admire one more beautiful work of him, a warrior cruzmaltina, displaying the glorious coat of the Hill. By creating a fictitious environment at the time of the Crusades, it could have been a Templar, an order that used the Cross of Christ.

VASCO DAS PÁGINAS - PERNAMBUQUINHO

O atacante ALMIR MORAIS de ALBUQUERQUE  chegou garoto a São Januário. Fez só dois jogos pelo time juvenil, e já decolou para a glória entre os cobrões. Era do Sport Recife e, rápido, começou a se destacar no futebol carioca. A revista "Manchete Esportiva" não demorou a contar quem era ele. Almir faz parte do time que os vascaínos foram buscar no "Leão da Ilha", que inclui Ademir Marques de Menezes, Edvaldo Izidio Neto, o Vavá, e Juninho Pernambucano.
PRIMEIRO GOL  CRUZMALTINO - Aconteceu durante a partida amistoso do dia 11 de julho de 1957, quando o cansado time vascaíno caiu ante o Dínamo Moscou, por 1 x 3, lá na terra deles.
Na época, a rapaziada participava de uma estafante excursão ao exterior, iniciada em 5 de junho, pela América Central e que se estendeu até a Europa. Na ânsia de encher o cofre do "Almirante", os cartolas marcaram compromissos além da capacidade física da equipe. Assim, quando a galera chegou à então União das Repúblicas Socialista Soviéticas, não levar uma goleada até ficou de bom tamanho.

PRIMEIROS JOGOS PELO VASCO: 05.06.1957 – Vasco 2 x 1 Combinado de Willemstad; 09.06.1957 – Vasco 6 x 2 Hakoah All Stars-EUA; 12.06.1957 – Vasco 3 x 1 Racing Club Paris-FRA; 14.06.1957 – Vasco 4 x 3 Real Madrid-ESP; 16.06.1957 – Vasco 4 x 2 Athletic Bilbao-ESP; 23.06.1957 – Vasco 7 x 2 Barcelona; 26.06.1957 – Vasco 2 x 1 Valência-ESP; 30.06.1957 – Vasco 5 x 2 Benfica-POR; 03.07.1957 – Vasco 3 x 1 Espanyol-ESP; 08.07.1957 – Vasco 1 x 3 Dínamo de Kiev-URSS; 11.07.1957 – Vasco 1 x 3 Dínamo de Moscou-URSS; 14.07.1957– Vasco 0 x 1 Spartack Moscou-URSS.

Então! Aquele time vascaíno participou de 12 compromissos, com nove vitórias e três derrotas. A rapaziada balançou o filó por 36 vezes e escorregou na pequena área em 22.

ÚLTIMO GOL - Foi marcado no amistoso de 16 de janeiro de 1960, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, diante do Atlético Mineiro. Foram duas bolas nas redes mandadas pelo "Pernambuquinho", um jogador irrequieto, mas que não era considerado violento por quem o conhecia.
Ao fazer uma entrevista com os familiares de Almir, em Recife, o editor do Blog do Torcedor, Marcelo Cavalcanti, saiu de casa deles convencido de que o ex-vascaíno era um jogador solidário, explosivo, mas não violento. "Ele não entrava em campo para agredir. Mas era pavio curto. Não suportava ser agredido. Muito menos ver seus companheiros serem agredidos. Como não gostava de levar desaforo para casa, protagonizava as confusões. Almir acabou sendo assassinado por causa disso" escreveu Cavalcanti.
Anote por quais clubes passou Almir:  Sport Recife: 1956-1957;    Vasco da Gama: 1957-1960;   Corinthians: 1960-1961;  Boca Juniors-ARG: 1961-1962;  Genoa-ITA: 1962; Santos: 1963-1964;    Flamengo: 1965-1967 e  América-RJ: 1967.
Títulos conquistados: SuperSuperCampeonato Carioca-1958;  Copa Roca-1960 (Seleção Brasileira);   Copa Atlântica-1960 (Seleção);  Campeonato Argentino-1962; Taça Brasil-1963/1964;Taça Libertadores- 1963; Mundial Interclubes-1963;  Torneio Rio-São Paulo-1963/1964; Campeonato Paulista-1964;    Campeonato Carioca-1965.

Então! Aquele time vascaíno participou de 12 compromissos, com nove vitórias e três derrotas. A rapaziada balançou o filó por 36 vezes e escorregou na pequena área em 22.

VASCO DAS CONTRACAPAS

O volante Maranhão (em cima) e o zagueiro Brito fecham a Revista do Esporte Nº 271, de 16 de maio de 1964. Diz o texto: "Com nova diretoria e novo técnico, vai o Vasco lutando para formar uma grande equipe que o leve aos dias de glória que viveu num passado recente. Maranhão e Brito, excelentes valores do elenco vascaíno, estão integrados no espírito de entusiasmo e 'esfôrço' dos novos dirigentes, empenhando-se com dedicação nos treinos como o "pulo da carniça", executado pelo craque Maranhão sobre Brito".
Hércules Brito Ruas, nascido no Rio de Janeiro (09.08.1939), foi revelado nas bases cruzmaltinas. Esteve em São Januário de 1957 a 1969, tendo sido capitão do "Time da Colina" e convocado para seleções brasileiras, desde 1964. José Ribamar Celestino, o Maranhão, apelidado, também, por “Zeca Porquinho”, foi titular da equipe e buscado no Maranhão, como juvenil.


Maranhão wheel and defender Brito were back cover of the Journal of Sport No. 271, May 16, 1964. It said: "With new management and new coach will Vasco struggling to form a great team that will take you to the glory days who lived in the recent past Maranhão and Brito, excellent values ​​vascaíno cast, are integrated into the spirit of enthusiasm. and 'effort' of the new leaders, striving with dedication in training as the "leap of carrion," executed by ace on Maranhão Brito ".
Hércules Brito Ruas, born in Rio de Janeiro (09.08.1939), was revealed in cruzmaltinas bases. Been to San Gennaro from 1957 to 1969 and was captain of the "Time of the Hill" and called for Brazilian teams since 1964. José Celestino Ribamar, Maranhão, also dubbed as "Zeca Pig", was proprietor of the canary team runner-up of the Pan-American 1959 in Chicago, Estasdos States.



terça-feira, 17 de janeiro de 2017

PAIXÃO CRUZMALTINA DO DIA - JAMILA

Belíssima modelo Jamila Sandoro, reproduzida do facebook do www.pixaovascao  sobre as musas vascaínas. Jam é musa, deusa, raínha, tudo o que é belo, não é mesmo? Mais? Inteligente e trabalhadora, dignifica a sua profissão. E o mais importante: vascainíssima. Veja aí ela mandando dizer que o "Almirante" navega em seu coração. Cá pra nós: A sua beleza faz inveja às flamenguistas, tricolores, corintianas, santistas, alviverdes, alvinegras, alviazuis, alvirrubras, rubro-anis, etc.
 
 Beautiful model Jamila Sandoro, reproduced from www.pixaovascao.com on the Basque muses. Jam is a muse, a goddess, a queen, everything beautiful, is not she? More? Intelligent and hardworking, it dignifies your profession. And the most important: vascainíssima. See her saying that the "Admiral" sails in your heart. Here for us: Its beauty makes envy the flamenguistas, tricolores, corintianas, santistas, alviverdes, alvinegras, alviazuis, rubro-anis, etc

O Kike atingiu, hoje, 330 mil visitas. Valeu, vasconauta. O Kike é seu, da torcida cruzmaltina, sem apelo comercial. Foi criado para divulgar a  históri do "Almirante". Fora isso, só  há espaço nele para as "Deusas da Colina".     

Total de visualizações de página

Sparkline 330.000