Vasco

Vasco

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

HISTORI&LENDAS DA COLINA - ADEMIR


Em 5 de outubro de 1947, um domingo, pelo Campeonato Carioca-1947, em São Januário, o Vasco venceu o Fluminense, por 5 x 3, tendo por adversário o seu ídolo  Ademir Menezes. Ele estava tricolor porque o “Almirante" complicara a renovação do seu contrato.
Naquele Vasco x Ademir, no primeiro tempo, Chico cravou duas bolas no barbante do Flu. Ademir, também, fez dois, para o Flu. Mas Dimas levou a “Turma da Colina” à frente, escrevendo 3 x 2, no primeir tempo. Na fase final, o mesmo Dimas fez mais dois (um de pênalti). O Vasco era treinado por Flávio Costa e alinhouom: Barbosa, Augusto e Rafagnelli; Ely, Danilo e Jorge; Djalma, Ismael, Dimas, Maneca e Chico.    
Reprodução da revista
Grandes Clubes
 
Ademir Menezes havia marcado os seus últimos gols vascaínos em 11.11.1945, em Vasco 4 x 0 Madureira, pelo Estadual – Chico e Isaías fizeram os outros, Ondino Vieira era o treinador e o seu último Vasco tivera: Barbosa, Augusto, Alfredo II, Rafagnelli, Berascochea, Ely, Santo Cristo, Isaías, ELE, Jair e Chico. Quase um ano antes, em 4 de novembro de 1945, marcara o gol vascaína do 1 x 1 Fluminense, nas mesmas plagas. Em 25.08.1946, já fazia um nos 2 x 0 tricolores sobre os antigos companheiros. De volta ao Vasco, fez um (03.11.1946), nas Laranjeiras, quando o Vasco dera o troco: 3 x 2.
Até 5 de outubro de 1947, Ademir, com a camisa do rival Flu, havia mandado quatro bolas nas redes vascaínas. Mas não fora a primeira vez que fizera aquilo. Em 1º de março de 1942, em Sport Recife 5 x 4 Vasco, amistosamente, em São Januário, deixara duas.  Para a torcida cruzmaltina, o que vale é a história iniciada nos 4 x 1 sobre o Bonsucesso – 3 de maio de 1942 –, na Rua Conselheiro Galvão, também, pelo Carioca, quando o deixou o dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário