Vasco

Vasco

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

TRAGÉDIAS DA COLINA - INTERROMPIDO

 Dos 10 jogos do primeiro turno do Campeonato Carioca-1952, o  Vasco da Gama venceu oito – 5 x 2 Madureira; 2 x 1 Canto do Rio; 5 x 2 Bonsucesso; 6 x 2 Bangu; 3 x 2 Flamengo; 2 x 1 Olaria; 3 x 0 América e 2 x 1 São Cristóvão – empatou um – 1 x 1 Botafogo – e escorregou em mais outro – 0 x 1 Fluminense, com Ademir Menezes desperdiçando um pênalti.
 Pelo finalzinho do returno, a rapaziadas seguia mandando ver – 3 x 1 São Cristóvão; 1 x 0 Canto do Rio; 1 x 0 Botafogo; 3 x 0 Madureira; 1 x 0 Flamengo; 2 x 0 América e 4 x 1 Bonsucesso. Chegado a oitava rodada, já invadindo janeiro de 1953, no dia 11, o adversário era o chato Fluminense.
 Chato, mesmo! O “Almirante” marcou dois gols no primeiro tempo, por Alfredo II e Chico Aramburo, e a sua galera começou a fazer um autêntico carnaval no Maracanã. Quem poderia imaginar que um timaço como o vascaíno, com dois gols de frente, iria entregar a rapadura? E não foi que entregou! Didi e Telê Santana empataram, fazendo a “Turma da Colina” adiar a conquista por mais uma semana.

AGAURDAR FOTO QUE TERÁ ESTA LEGENDA ABAIXO.
Didi chutou, de fora da área, e Telê, para não perder tempo, buscou a bola na rede. Barbosa nem imaginava o que viria pela frente.      

Nenhum comentário:

Postar um comentário